Projetos

Grupo de Cidadania

A violação de direitos humanos é tema constante entre os usuários do CRAVI. Para atender a expectativa dos participantes, em 2006, o CRAVI criou o Grupo de Cidadania. A iniciativa busca pensar e repensar o lugar ocupado socialmente pelas vítimas, considerando o ocorrido como ato violento que afeta laços e contratos sociais, dificultando ou até mesmo inviabilizando o exercício da cidadania e o protagonismo social.

Os encontros são delineados por objetivos (a função de cada encontro), por temas (a temática de trabalho aliada à função), por método (de que forma se contempla o objetivo) e um fechamento (o que ficou do encontro e das reflexões).  

Cada módulo contempla um objetivo e uma etapa de desenvolvimento do grupo. No primeiro, a apresentação dos sujeitos, percurso nas instituições e no CRAVI e a formação de um contrato de grupo. No segundo módulo, a reflexão sobre os desejos dos participantes, discussão dos conceitos e escolha do tema. O terceiro módulo contempla as formas deste tema ser trabalhado (dentro do CRAVI). O quarto módulo aborda o fechamento do processo grupal e a construção de um produto.

O livro intitulado "Quebrando o Silêncio: Memória, Cidadania e Justiça" é resultado do trabalho desenvolvido.

(Disponível para download em "Publicações"). 

 

Oficinas Mensais

As Oficinas Temáticas do CRAVI acontecem na plenária 10 do Fórum Criminal da Barra Funda todos os meses e tem como objetivo colaborar para a criação e a manutenção de um espaço de troca de conhecimentos, reflexões e capacitações, especialmente voltado aos profissionais da rede de serviços. São abordados temas pertinentes ao acesso à justiça, cidadania e direitos humanos.

Desde seu início, em 2011, as Oficinas Temáticas já trataram de assuntos como: violência doméstica, tráfico de pessoas, direitos do migrante, cidadania LGBT, violência contra a criança e a pessoa idosa, desafios e direitos das pessoas com deficiência e muitos outros.

Para saber mais sobre as próximas Oficinas Temáticas e receber a ficha de inscrição para participar basta enviar um e-mail para cravi@justica.sp.gov.br com seu nome completo.