Comemoração - CRAVI realiza seminário sobre atendimento a vítimas de violência nesta terça-feira

 

O  Centro de Referência e Apoio à Vítima (CRAVI), programa da Secretaria da Justiça e Cidadania, completa 21 anos neste mês de julho. Para comemorar a data, o CRAVI promoverá um seminário, dividido em três módulos, sobre o atendimento a vítimas de violência.

O  secretário da Justiça e Cidadania, Paulo Dimas Mascaretti, participará da abertura do primeiro seminário nesta terça-feira (16), a partir das 14h, na Plenária 10 do Fórum Criminal da Barra Funda, na capital. Os próximos encontros ocorrerão nos dias 22 e 29 de julho.

De acordo com a coordenadora do CRAVI, Cristiane Pereira, os seminários têm com o objetivo fazer um panorama das frentes de atuação do Programa, mostrar o trabalho realizado em parceria com alguns órgãos de Justiça, os dispositivos de atuação com grupos de vítimas de violência e o atendimento às famílias e funcionários atingidos no ataque à Escola Professor Raul Brasil no município de Suzano.

"O CRAVI atende a população vulnerável, especialmente aqueles que sofrem danos em razão da violência. Em 21 anos aprimorou as técnicas de atuação e garantiu qualidade e eficiência em suas ações. As vítimas chegam aqui buscando respostas e justiça e no CRAVI  encontram um ambiente acolhedor. Aqui elas podem falar da sua dor, vivenciar seu luto. Isso representa muito mais que a condenação do indivíduo que cometeu um delito”, explicou Cristiane.

Os seminários são gratuitos. Confira a programação :

16 de julho -  Módulo 1: “O Acesso à Justiça da Vítima de Violência: a atuação do Ministério Público e da Defensoria Pública no Atendimento às Vítimas. A importância da atuação do CRAVI no suporte às vítimas em audiências”.

Palestrantes

Maria Paula Cassone Rossi – juíza de Direito

Marcos Vinícius Gomes – defensor público

Juliana Gentil Tucunduva – promotora de Justiça

 

22 de julho - Módulo 2: “Abordagens Jurídico Psicossociais da Violência: os cuidados com as mulheres vítimas de crimes em contextos grupais”

Palestrantes:

Luanda Avedissian – psicóloga do CRAVI

Siméia Ivo – assistente social do CRAVI

Douglas Basílio Ribeiro – defensor público

 

29 de julho - Módulo 3: “Intervenções em Emergências: a Assistência às Vítimas na Escola Estadual Raul Brasil, em Suzano”.

Palestrante:

Bruno Fedri – psicólogo do CRAVI

 

O CRAVI

O CRAVI oferece atendimento público e gratuito a vítimas e familiares de crimes violentos. Desde o início das atividades, em 1988, já realizou mais de 39 mil atendimentos nas especialidades psicossocial e jurídica. De janeiro à junho de 2019 foram contabilizados 1.437 triagens, acolhimentos e atendimentos. O número é considerado um recorde para o período.

O Programa também realiza oficinas mensais com o objetivo de divulgar seus serviços e proporcionar um espaço de sensibilização sobre temas relativos aos direitos humanos. As atividades são direcionadas aos profissionais, servidores, estagiários e estudantes das áreas de saúde, assistência social, direito, psicologia e educação, e que atuam no atendimento direto à população.

Neste ano, foram capacitados 673 profissionais. Entre os temas abordados estiveram: automutilação, importunação sexual e violência contra a mulher, dependência química e tratamento e enfrentamento do abuso sexual de crianças e adolescentes.

Violência Doméstica

Desde 2016, o CRAVI realiza, por meio de parceria firmada entre a Secretaria da Justiça e Cidadania e o Tribunal de Justiça, atendimento e orientação, por telefone, de vítimas de violência doméstica cujos autores estiveram presentes em audiências de custódia realizadas no Fórum Criminal da Barra Funda.

No primeiro semestre deste ano foram realizados 490 atendimentos.

 

CRAVI em Suzano

O CRAVI também desempenhou suas atividades de acolhimento e atendimento às vítimas da tragédia da escola Raul Brasil, em Suzano. Desde o dia do ocorrido até o dia 25 de junho de 2019, foram realizados 572 atendimentos individuais e em rodas de conversa para alunos, funcionários, pais e professores.

Como proposta de intervenção, além dos plantões, o programa criou um Grupo de Cidadania visando a oferecer um ambiente de atendimento baseado na promoção dos direitos humanos e da cidadania.

 

SERVIÇO:

Evento: Seminários em comemoração aos 21 anos do Cravi
Datas: 16, 22 e 29 de julho
Local: Plenária 10 do Fórum Criminal da Barra Funda
Horário: 14h às 16h30
Endereço: Avenida Abraão Ribeiro, nº 313, Barra Funda

 

 

 

Assessoria de Comunicação
Secretaria da Justiça e Cidadania
Email: justica@justica.sp.gov.br

Tel.: (11) 3291-2612

Compartilhe esta notícia: