Secretaria da Justiça participa de reunião com MPSP sobre Cidades Antirracistas

 

O coordenador de Políticas para a População Negra e Indígena da Secretaria da Justiça e Cidadania, Antonio Carlos da Silva Barros, reuniu-se virtualmente na sexta-feira (08) com representantes do Ministério Público do Estado de São Paulo (MPSP), para tratativas de um Termo de Cooperação Técnica entre as instituições para implementar o Projeto Cidades Antirracistas.

Trata-se da primeira ação entre o governo do estado de São Paulo e o MPSP para desenvolver mecanismos de apoio e incentivo aos municípios paulistas, em relação à criação, manutenção e fortalecimento das estruturas existentes de enfrentamento ao racismo, com efetiva participação dos Conselhos Municipais da Comunidade Negra, e organismos vinculados às administrações municipais defensores da pauta racial.

Além disso, a parceria visa a auxiliar na adequação de ações para implementar nos municípios o Sistema Nacional de Promoção da Igualdade Racial (Sinapir),  bem como o Projeto de Cidades Antirracistas.

De acordo com Antonio Carlos, o desenvolvimento dessas ações será de suma importância para a comunidade negra. “São Paulo é pioneiro na adoção de políticas públicas de enfrentamento ao racismo, e com esse fortalecimento daremos um grande passo na efetiva inclusão do negro na sociedade e acesso à direitos, com respeito e dignidade”, concluiu.