Balanço da Operação Combustível Limpo

Criada em outubro de 2021 pelo secretário da Justiça e Cidadania, Fernando José da Costa, a Operação Combustível Limpo já fiscalizou 93 postos de combustíveis no Estado de São Paulo, dos quais 48 apresentaram irregularidades e foram autuados. 

A força-tarefa une os esforços da Secretaria da Justiça e Cidadania (SJC) e do Instituto de Pesos e Medidas do Estado de São Paulo (Ipem-SP), autarquia estadual vinculada à Pasta, com a finalidade de combater fraudes e irregularidades em postos de combustíveis e depósitos de gás.

Até o dia 4 de maio, foram realizadas no total 20 operações nas cidades de São Paulo, Campinas, Guarujá, Santos, Osasco, Praia Grande, Registro, Santo André e São Bernardo do Campo. Com planos de expandir para outros municípios do Estado.

Dos 93 postos fiscalizados nestas 9 cidades, 31 estavam corretos, 14 estavam fechados no momento da operação, e 48 estabelecimentos apresentavam irregularidades dos mais diversos tipos, desde fraude na quantidade de litros abastecida até adulteração na qualidade do combustível e rompimento do lacre das bombas.

Caso o cidadão identifique algum estabelecimento que apresente irregularidades, a denúncia pode ser feita para a Ouvidoria do Ipem-SP pelo telefone 0800 013 05 22, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, ou pelo e-mail ouvidoria@ipem.sp.gov.br.