Secretário da Justiça participa de aula inaugural do EJA no CIC Oeste

 

O secretário da Justiça e Cidadania, Fernando José da Costa, acompanhou nesta segunda-feira (13) a aula inaugural para o Ensino de Jovens e Adultos à distância (EJA) no Centro de Integração da Cidadania Oeste, localizado na Estrada de Taipas - 990, no bairro Jardim Panamericano, no Jaraguá. O evento teve o objetivo de fomentar o acesso à educação para cidadãos que não concluíram os estudos no tempo regular.

Na ocasião, Fernando José da Costa também acompanhou o acolhimento de Jovens do Projeto Expresso, uma parceria com a Associação dos Artistas e Produtores do Centro de São Paulo e Cantareira Norte Shopping, com o objetivo de oferecer aulas de arte e educação para 100 jovens em Liberdade Assistida, e para jovens que ainda estão cumprindo medida de internação na Fundação CASA.

“Ao entrar na Secretaria da Justiça e Cidadania conheci o importante trabalho que as 17 unidades do Centro de Integração da Cidadania realizam em prol da população de São Paulo. São 8 unidades da Capital e 9 no interior e no litoral. O CIC atende mais de 1 milhão de pessoas por ano, serviços gratuitos para quem mais preciso da ajuda do Governo de São Paulo”, destacou Fernando José da Costa.

Além do secretário da Justiça, também participou do evento o vereador Eduardo Suplicy, diretor executivo do Itesp, Diogo Telles, o superintende do Shopping Cantareira Norte, Gerado Carvalho, a diretora do CIC Oeste, Edilaine Oliveira, a coordenadora geral dos CICs, Tatiana Rached, o diretor executivo do jornal O Amarelinho, Edimilson Silva Carvalho, a delegada da Policia Civil, dra. Adonilza Lopes de Oliveira, Coronéis da Policia Militar, Leandro Carlos Navarro e Carlos Alberto Nunes Malheiro, entre outras autoridades presentes.

A iniciativa tem como objetivo valorizar a cidadania de acordo com a realidade de cada aluno, por meio de metodologias educacionais sociais e construtivas com a metodologia SESI, aprovada pelo Conselho Nacional de Educação (CNE), do Ministério de Educação (MEC).

O projeto promove a convivência com as atividades remotas, aulas virtuais, e um dia presencial. Os alunos terão acesso a todos os conteúdos programados e planejados para que tenham êxito no desenvolvimento de seus estudos remotamente.

Ainda serão oferecidas aos estudantes atividades que estimulem sua autonomia e possibilitem a realização de forma remota, mediada por um facilitador voluntário e por alunos da Faculdades Paulistanas. O projeto também prevê a inclusão digital, com uma aula presencial por semana.

Inicialmente, por meio de uma metodologia exclusiva de Reconhecimento de Saberes, o SESI valida e certifica as competências e habilidades que o adulto já possui.

Ao final desta etapa, caso o estudante não comprove que possui todas as competências do nível requerido, assistirá aulas para desenvolver somente as competências que ainda não possui, referentes às 4 (quatro) áreas do conhecimento: Linguagens e Códigos e suas Tecnologias, Ciências Humanas e suas Tecnologias, Ciências da Natureza e suas Tecnologias, Matemática e suas Tecnologias.

A duração do Ensino Fundamental é de até 24 meses, divididos em 4 semestres de 400 horas. Já o Ensino Médio pode ocorrer em até 18 meses, divididos em três semestres de 400 horas. A carga horária, porém, pode variar de acordo com a análise de documento de escolaridade anterior (Histórico Escolar).

Projeto Expresso

O Projeto Expresso foi aprovado pela Secretaria Municipal de Cultura da Cidade de São Paulo, por meio da lei de isenção fiscal PROMAC, com incentivo financeiro do Cantareira Empreendimentos S/A, publicado no Diário Oficial do Município, e criado para atender aos jovens em liberdade assistida da região do CIC Oeste, com aulas EAD e presenciais, com atendimento aos jovens e seus familiares.

O Projeto Expresso é um ateliê híbrido de artes visuais, formado por 8 artistas que trabalham com adolescentes em medida socioeducativa de meio aberto e da Fundação CASA, pelo período de 3 meses.

Será realizado um processo colaborativo de produção artística, para que esses jovens desenvolvam suas habilidades artísticas e estéticas. Além do Ateliê, haverá conversas entre as adolescentes e os artistas envolvidos.

Devido à pandemia da Covid-19, os diálogos serão virtuais e as atividades executadas pelos adolescentes em seu próprio ambiente, conforme a carga horária indicada para cada uma delas.

Haverá um ciclo de quatro conversas/debates com os artistas convidados sobre suas percepções e leituras do que foi vivenciado com as adolescentes. O processo de aulas e experiência do projeto será registrado de forma videodocumental, além da elaboração de publicação com o processo realizado no projeto, imagens dos trabalhos produzidos e textos dos artistas e envolvidos na iniciativa.

CIC

O Centro de Integração da Cidadania (CIC) é um programa da Secretaria da Justiça e Cidadania que tem como missão promover o exercício da cidadania por meio da participação popular e garantir formas alternativas de Justiça, tendo como objetivos o acesso à Justiça; a prestação de serviços gratuitos; a articulação e o fortalecimento de redes e ações comunitárias; e a educação para cidadania e direitos humanos.

Em 2020, o CIC Oeste realizou 47.801 atendimentos. E a parcial até agosto é de 42.532 atendimentos. Em 2020, as 17 Unidades CIC realizaram o total de 971.735 atendimentos. E a parcial até agosto é de 425.277 atendimentos. Mais de 69 mil famílias foram beneficiadas pelas ações promovidas pelo CIC.

O CIC possui 17 unidades na Capital, na Grande São Paulo, no litoral e no interior do estado, geralmente em regiões de grande vulnerabilidade social. Na capital são 8 unidades: CIC do Imigrante (Barra Funda), Leste (Itaim Paulista), Oeste (Jaraguá), Sul (Jardim São Luís), Norte (Jaçanã), Casa da Cidadania (Jabaquara), Feitiço da Vila (Valo Velho) e Grajaú. Na Grande São Paulo são 4 unidades: Guarulhos, Pirapora do Bom Jesus, Francisco Morato e Ferraz de Vasconcelos. No interior, o CIC possui unidades em Campinas, Jundiaí, Laranjal Paulista e Cajamar. Há, ainda, uma unidade no litoral, em São Vicente.


Serviço
Local: CIC Oeste – Estrada das Taipas, 990 - Jaraguá