Centro de Integração da Cidadania - Representante do ACNUR visita CIC do Imigrante

O secretário da Justiça e Cidadania, Paulo Dimas Mascaretti, recebeu nesta sexta-feira (8) o representante do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR) no Brasil, Jose Egas, durante visita ao Centro de Integração da Cidadania (CIC) do Imigrante, localizado na Barra Funda.

O representante do ACNUR percorreu as dependências da unidade e foi informado sobre as atividades desenvolvidas no local.

O secretário da Justiça e Cidadania falou sobre o novo sistema de solicitação de refúgio on-line do CONARE/Ministério da Justiça, instalado no CIC do Imigrante.

O Sisconare é a plataforma que permite tramitar processos relacionados a refúgio no Brasil. Com novas ferramentas de trabalho, o sistema irá, gradualmente, substituir o formulário em papel no Brasil.

O CIC do Imigrante viabiliza o acesso de refugiados e solicitantes de refúgio ao sistema, auxiliando no preenchimento de dados já que muitos dos estrangeiros demonstram dificuldade para se comunicar.

O CIC do Imigrante disponibiliza cursos de português para imigrantes e de qualificação profissional. Saiba mais aqui.

O CIC do Imigrante está localizado na Rua Barra Funda, 1.020. Mais informações pelo telefone (11) 3115–2048.

previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider

O CIC

O Centro de Integração da Cidadania (CIC) é um programa da Secretaria da Justiça e Cidadania do Estado de São Paulo que objetiva promover atividades e serviços gratuitos que possibilitam melhoria na qualidade de vida da comunidade e estimulam a integração e a inclusão social.

O CIC possui 17 unidades no Estado de São Paulo, sendo 8 na capital, 5 na Grande São Paulo, 1 no litoral e 3 no interior do estado.

Nas unidades CIC, a população pode participar ativamente para o desenvolvimento da comunidade e ter acesso a inúmeros serviços gratuitos, como: emissão de documentos e de segunda via de contas; Acessa São Paulo e Cadastro biométrico para eleitores.

Também são oferecidos cursos de capacitação, casamento comunitário, palestras, encaminhamento para vagas de emprego, mediação de conflitos e orientações jurídicas e aos consumidores.

Ainda são disponibilizadas perícias de investigação de paternidade (DNA), exames de saúde e triagem para atendimento odontológico. Além de atividades culturais e esportivas, entretenimento e serviços de beleza.

O CIC do bairro Santa Cecília, na Capital, é voltado ao atendimento do Imigrantes e do Refugiados. No mês de Junho, a unidade sediou o lançamento da Campanha Imigrante, SP te Acolhe, que divulga os serviços disponíveis para essa população e alerta sobre a xenofobia.

Compartilhe esta notícia: